As mudanças estão chegando cada vez mais rápido, dessa vez ela alcançou o estilo de trabalho.

O trabalho remoto, ou o popularmente chamado home office, não é mais apenas uma tendência, é uma realidade para um número cada vez maior de pessoas.

Essa foi uma solução que algumas empresas adotaram pensando no aumento do número de pessoas que enfrentam o caos urbano todos os dias, com seus engarrafamentos e transportes públicos superlotados, ninguém merece né?

newds-onibus-blog

Então, buscando por mais qualidade de vida e mais conforto, essa foi a melhor medida.

Mas, nesse começo de 2020 fomos atingidos em cheio com a pandemia de Coronavírus e por conta da gravidade da situação altamente contagiosa, o COVID-19 levou várias empresas ao redor do mundo a mandarem seus funcionários para trabalhar em casa. 

newds-homemask-blog

Para quem não estava acostumado, se adaptar foi um grande desafio, mas para quem já estava nessa prática, pouca coisa mudou.

Então, para vocês iniciantes nessa nova modalidade olímpica de ser um excelente profissional em casa, separamos algumas dicas de como fazer um home office na quarentena (ou não).

1. Vista-se para o trabalho
Não precisa usar “roupa de sair”, mas não fique de pijama o dia inteiro, se arrumar pode estimular a sua capacidade de focar e produzir. Isso é baseado em estudos dos pesquisadores americanos Hajo Adam e Adam Galinsky. Eles provaram que “nós pensamos não apenas com os nossos cérebros, mas também com os nossos corpos”.

2 – Escolha um local para trabalhar
Não é porque você vai trabalhar em casa que toda a sua casa vai virar seu escritório. Escolha uma lugar especial para colocar uma mesa, seu computador e alguns documentos para anotação. Se for possível, longe de interrupções.

3 – Não misture tarefas profissionais com tarefas domésticas.
Lavar roupa, louça, faxina, ir ao mercado, são atividades para depois do trabalho. Faça de conta que você saiu para a empresa e só volta no fim do dia, como era sua rotina antes.

4 – Faça pausas
Mas novamente, não confunda essas pausas com tarefas domésticas. Por estar em casa, você pode esquecer dos horários ou não dar as pausas corretas para comer por exemplo. Lembre de não ficar o dia todo na mesma atividade.

5 – Invista em internet
Por não exigir um trabalho presencial, muitas vezes a solução são as chamadas de vídeo.
Uma boa conexão irá te ajudar a usar todos os recursos online que precisa para trabalhar.

Mas com a nova crise, com tantas pessoas em casa, seja trabalhando ou em quarentena (usando como distração), a internet aqui no Brasil vai aguentar o tranco?

Esse aumento de acessos afeta a velocidade da rede global de informações.

O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGIbr) possui um projeto que promove e cria a infraestrutura necessária para conexão entre as redes que compõem a Internet brasileira.

Dados desse mesmo projeto destacaram um pico de cerca de 10.51 TB na rede, enquanto a média mensal estava aproximadamente em 5.83 TB. Veja gráfico abaixo.

newds-dadosinternet-blog

Tivemos em apenas poucos meses, um crescimento de 80% na quantidade de dados trafegados na rede. Para comparações, 1 Tera Byte equivale a 1000 GB.

Então se você estiver achando que o problema de velocidade da rede está só na sua casa, você está enganado, é em todo o mundo!

blog-gatointernet-newds

“Em vários dos países impactados inicialmente pela Covid-19, como China, Coreia do Sul, Japão e Itália, nós vimos crescimento no tráfego de internet de 25% em média sobre as taxas do resto do mundo”, afirmou a Tilt Patrick Sullivan, diretor de tecnologia da Akamai, que analisa o fluxo de dados digitais em todo mundo.

Até mesmo empresas grandes estão enfrentando dificuldades com a mudança nos padrões do tráfego. Tio Mark, por exemplo, do Facebook, disse que estava experimentando “sobrecargas” no uso de certos serviços, como um aumento de 100% no número de ligações realizadas por meio dos apps WhatsApp e Messenger.

Além disso, além da Netflix, empresas como YouTube, Amazon e Facebook também adotaram a medida, o serviço de streaming informou que a resolução de imagem (FullHD/1080p, 4K/2160p etc.) não será reduzida, mas sim a taxa de dados – também conhecido pelo termo em inglês “bitrate”.

blog-netflix-newds

Independente dessas novas situações que enfrentaremos online, ainda precisamos reforçar que evitar lugares públicos e aglomerações é uma importante medida para impedir o contágio no novo Coronavírus.

Se formos circular desnecessariamente pela cidade, corremos não só o risco de ficarmos doentes mas também de transmitir o coronavírus para mais pessoas. Vamos ser conscientes nesse momento delicado, fique em casa!

Essa também pode ser a hora da sua empresa se destacar online ou tirar um tempo para se planejar e voltar com uma estratégia nova pós quarentena.

Converse com nossos especialistas para saber a melhor decisão em marketing digital para sua empresa.