Atualmente, as empresas utilizam  cada vez mais as redes sociais para se comunicarem com seus clientes. Com isso, há também uma ascensão dos personagens mascotes, como a Lu, da magazine luiza e a Nat, da Natura, personagens que utilizam as redes como se fossem pessoas reais, respondendo outros usuários e postando conteúdo relevante à marca. 

O mascote é a personificação da sua empresa. Ele representa, em sua personalidade e aparência, os valores e ideais da empresa que está representando.

Veja a Nat, personagem da natura. É uma personagem mulher, negra e jovem, que posta diariamente em sua conta no twitter. Nem sempre o conteúdo das postagens está relacionado diretamente com a marca, como no tweet abaixo:

Reputação da marca

Embora este tweet não esteja promovendo nenhum produto, ele mostra claramente a ética da marca, atentando para temas contemporâneos. Isso é interessante porque promove um relacionamento de afetividade com o consumidor, que por consequência enxergará a marca como sendo mais próxima e acessível, aumentando sua credibilidade

Sendo mulher negra com cabelos cacheados, a personagem pode postar conteúdos como o tweet acima, que busca impactar especificamente pessoas de cabelos cacheados. Sendo assim, com essa interatividade, ela indiretamente promove os produtos para cabelos da marca Natura, ao mesmo tempo se auto-promovendo como marca preocupada com as necessidades de pessoas de cabelos cacheados, que costumam ter dificuldades para encontrar produtos específicos ao seu nicho.

Que vantagem eu tenho criando um mascote para a minha empresa?

Quando o mascote conversa com o público, ele cria uma relação de amizade. Ao responder perguntas e interagir com o consumidor, ele mostra que a marca se preocupa com o bem-estar do cliente, e não apenas com vendas. Isso faz com que o cliente esteja mais interessado em ter uma relação duradoura com a marca, e ter preferência por ela na hora de escolher qual o melhor produto.

A constante interatividade com o cliente faz com que ele pense na marca como acessível e confiável, tornando mais tangível a possibilidade de compra. 

Que tal criar um mascote para a sua empresa?